Saturday, May 30, 2009

Há algo de muito grande na vontade que temos que tenham prazer (sim, sexual) connosco. Na hora h, naquele momento, a verdade é que a maioria de nós rende-se e altruísticamente. Queremos que espremam de nós prazer até ao tutano e temos inclusivé, reparem como antagoniza a lei de todos os outros prazeres, prazer com o prazer de outrem. O sexo é, de facto, algo poderoso!
Claro que também os há os(as) canalhas que vivem de esmifrar o prazer dos outros. Os para quem o outro podia bem ser uma bolinha de carne com um buraco ou saliência (escolher a opção correcta). Um prazer solitário. Assim como quem come um chocolate lânguidamente sem oferecer.

2 comments:

Lua said...

Tu entendes que, devido àquele meu telefonema a meio do picnic, este post é, agora, muito, mas muito mais colorido, right?!!!

Músico Guerreiro aka Melões said...

Pois e, nao ha melhor prazer do que o prazer a dois (a excepcao do chocolate, claro esta).
beijo
(e muita partilha)