Tuesday, September 25, 2007

do I sound like it?

Interessante agora é topar-lhes os sotaques, reconhecer-lhe a pátria ao som de um olá. Já sou perita em identificar os locais; Irlanda, Escócia, Northamptom, “London breed” e nos do pais de Gales então sou mestre! E consigo facilmente identificar os Aussies e os Americanos, os italianos e os espanhóis, claro! Agora, distinguir entre um belga e um Francês (carregam ambos imenso nnos rrrs), um Polaco, um Checo e um Lituâno, ou distinguir o triângulo Correia, China e Taiwan, aí sim reside a diferença!

Até agora sempre pensei que não tinha sotaque de “portuguesa”. Até porque, ao adivinharem a minha nacionalidade debandam sempre pelas Américas do sul (??), ou pelos EUA (sotaque dos movies e muito enraizado com as “American friends”). Mas hoje confrontei-me com alguém que falavam um inglês tão aportuguesado, tão aportuguesado que o topei logo a milhas e nasceu uma nova amizade com o senhor da lavandaria do Hospital que já cá trabalha há 20 anos!!! Entretanto questionei-me; eu falo assim?

3 comments:

El Trinca said...

Acho lindo, conseguir destinguir esses sotaques todos.
Eu fico-me pelo Espanhol e pelos paises do leste (agrupo russos e polacos e por ai), ah brasileiros também tem um sotaque que se destingue a léguas, falam a cantar!

snowgaze said...

O sotaque mais esquisito que já ouvi é o de uma miúda que carrega nos esses. Tipo como as pessoas da zona de Viseu. Só que ela vem da ilha (GB), fala inglês desde que nasceu. Não faço a mínima ideia da zona dela, mas bem que gostava de saber.

Taking Shape said...

OI!
Primeira visita a este espço e muito em comum...
Londres, PhD em ciência e o sotaque....

vou passar mais vezes...