Tuesday, May 27, 2008

Haverá ciência depois de um doutoramento?

Já perdi a conta as vezes que já ouvi isto ou algo do mesmo género:

“Eu nao estou aqui pelo dinheiro, e adoro o que faço, mas não vou dizer que o dinheiro nao me interressa para nada...Portanto, a seguir vem outra coisa, que me mantenha a mente ocupada e que faça barulho na minha conta. ”

Uma coisa é certa: depois de um doutoramento haverão férias. Férias longas, de três ou quatro meses sem poiso.
Gosto de acreditar/sinto-o que depois mandarei de novo o dinheiro as urtigas. Afinal, eu continuo a mulher mais feliz do mundo. E tenho conciência disso.

4 comments:

cat said...

Como te disse ha uns tempos é a coisa mais emocional que alguma vez faras na tua vida profissional. E’ o teu bebe, o teu fruto, e’ tudo teu, teu, teu... a’ tua responsabilidade. A tua conquista e aquilo que te fara brotar mais lagrimas.

E tu tens sido brilhante :)

Zita said...

Primeiro que tudo fazes muito bem em tirar ferias depois do doutoramento. Falo por experiencia propria :)!
E importante recuperares energias e pores as ideias em ordem...e acima de tudo fechar um capitulo da tua vida. Nao importa se continuas no meio academico ou nao.
Depois tens tempo para decidir se queres mandar o dinheiro as urtigas, e veres qual e a paixao da tua vida ;)!

Beijinhos
Zita

Cromossoma X said...

cat: es uma querida linda! Obrigada pelos teus conselhos sempre tao bonitos :)

Zita: concerteza!! Se ja faco tantas ferias agora, imagina as que farei quando nao tiver celulas em cultura, ratinhos pra injectar, bacterias a crescer...hihihi

E o dinheiro...logo se vera :)

Dania said...

eu acho que o titulo do post deveria ser: "Haverá paciência depois do doutoramento?"
Ou ficamos todos tão fartos desta "vida de rato" que voltamos para Portugal e abrimos um bar?! :)))